Mini-implantes


Apesar do nome, os mini-implantes (ou mini-parafusos) são acessórios ortodônticos, ou seja, servem para auxiliar alguns movimentos dentários durante o uso dos aparelhos. Seu nome se deve a semelhança física com os implantes para reabilitação protética, mas sua função é bastante distinta.

dentista segurando manequim com aparelho ortodôntico fixo

Os mini-implantes são instalados pelo próprio ortodontista, ou outro profissional sob sua indicação, com o intuito de servir de apoio para que possam ser realizados alguns movimentos dentários, que seriam muito difíceis sem eles. Ou então, para minimizar ou eliminar os efeitos colaterais que algumas forças ortodônticas promovem.

Aqui abro um "parênteses" para explicar: toda força ortodôntica - ou seja, uma ação - gera uma reação de igual magnitude e direção oposta. As mesmas leis da física estão presentes no tratamento ortodôntico, pois usamos forças. Sendo assim, quando aplicamos força para movimentar um dente, estamos gerando uma força reativa contrária, de igual magnitude, nos dentes que estão sendo usados para apoiar (ancorar) aquela movimentação. Esta força reativa pode ser desejada ou, como em boa parte dos casos, indesejada. Se não quisermos efeitos colaterais das forças no nosso tratamento precisamos lançar mão de acessórios que nos permitam apoiar a força fora do arco dentário. E aí que entram os mini-implantes.

[PS: As mini-placas e aparelhos extra-bucais também podem exercer esta função. Mas isso é assunto para outro post].

imagem de mini-implante ortodôntico

A instalação destes acessórios é muito simples e rápida, sob anestesia local. Pode haver um desconforto local devido a pressão exercida, mas esta normalmente não dura mais do que um dia. Se ocorrer, está indicado uso de analgésico.

Os mini-implantes são mantidos durante todo o período do tratamento ortodôntico?

Não necessariamente. Eles serão mantidos em boca enquanto houver necessidade de apoio das forças. Normalmente são removidos poucos meses antes da finalização/ refinamento.

É possível realizar tratamentos ortodônticos sem mini-implantes?

Claro! Eles nem sempre existiram, e seu uso rotineiro na clínica ortodôntica é relativamente recente. Além disso não são todos os casos que tem a indicação do uso de mini-implantes. Tudo depende do tipo de movimento necessário/desejado. Contudo, quando há indicação, eles permitem ao(a) ortodontista movimentos mais controlados e, em alguns casos, que seriam impossíveis com a mecânica ortodôntica convencional.

Mas lembre-se: uso de mini-implantes não é sinônimo de tratamento mais rápido, nem necessariamente melhor. Tudo isso, como sempre, dependerá do planejamento minucioso do tratamento ortodôntico e do conhecimento e habilidade do profissional em realizá-lo. Com ou sem mini-implantes.

Sempre procure um(a) especialista!

#Ortodontia #Ortodontiaemadultos #TADs